É com muito prazer que apresento este artigo primoroso sobre a VOZ E OS SENTIDOS de autoria de minha amiga e mestra Glorinha Beuttenmüller.
Nele ela demonstra a base de seu Método e toda a sua pesquisa e criatividade sobre o assunto. Foi a primeira a falar na VOZ conjugada aos SENTIDOS, SENTIMENTOS E SENSAÇÕES. Obrigada Glorinha por me permitir colocar esta aula de Voz de tanto valor em meu Site.


O DESENVOLVIMENTO DA VOZ ATRAVÉS DOS SENTIDOS

GLORINHA BEUTTENMÜLLER

MÉTODO ESPAÇO-DIRECIONAL-BEUTTENMÜLLER


O HOMEM tornou-se um ser superior pela capacidade de se comunicar com a sua VOZ, sua FALA e seu CORPO.

O homem pensa e sente, e esta capacidade de pensar, pesar e medir o que sente é o que distingue um homem de outro homem.

RESPIRAÇÃO

Respirar é viver. Se estamos vivos aqui neste Espaço é porque estamos respirando. Se sabemos que estamos aqui, é porque estamos sendo informados através dos sentidos. Esta percepção do aqui nos é dada de imediato pelo sentido da

VISÃO

Visão fotográfica através de quê? Dos nossos olhos. É através da dimensão deste ambiente que sinto e vejo é que registro a minha inspiração, resultando por esta visão panorâmica uma das qualidades do som: a intensidade.

A Visão Tridimensional é sintética. A Visão nos informa a cor do ambiente, nos transduz a energia da luz. Encontramos nos nosso olhos a Íris, espelho reflector onde detectamos as cores.

AUDIÇÃO

Mas para desenvolver a voz, não basta apenas OLHAR,VER,ENXERGAR. Precisamos do sentido da Audição. É este sentido que vai nos dar o envolvimento sonoro da nossa comunicação, ele sempre está alerta, é o único sentido de perfil e seu canal de informação, as nossas orelhas, tem a forma de interrogação. É o porquê dos porquês esta curiosidade e dúvida permanente é que nos faz desenvolver os nossos conhecimentos, a nossa cultura.

OLFATO

Precisamos melhorar a nossa voz por meio de mais outro sentido: o Olfato, sentido de
abertura; sentido sensual; sentido que dá firmeza; um ponto de referência onde estamos. Sentido localizado no nariz, que tem a forma de uma pirâmide, que se encontra no centro da nossa fisionomia. Este sentido dá lustro e brilho a nossa voz. Eu sinto todo adjetivo olfativo.

PALADAR

Mas para maior desenvolvimento e projeção da voz vamos somar mais um sentido: o Paladar. Torna-se necessário sentir gosto de transmitir a informação; é preciso gostar de gente; emprestar um pouco de nós para os outros. É preciso sempre aumentar a fidelidade deste sentido que tem zonas de doce, salgado, ácido e amargo localizados na cavidade da boca.

É esse sentido que nos transmite sensações que nos levam aos sentimentos, dando uma total interdependência entre os sentidos e os sentimentos humanos.

Segundo Grammont ¨A boca é o alto-falante¨. Não devemos ficar com a boca presa, é preciso aumentar a fidelidade deste auto-falante, tendo um interesse maior pela Vida.

Vida Relacionamento.
Vida que é Ar-Vibração-Voz-Vogal-Visão.
Tudo na vida é movimento.

Nunca, quando estamos falando, ficamos presos a pontuação gramatical e sim a arrumação dos nossos pensamentos e sentimentos. É a regra de espírito, que tem como poder vivificar os grandes valores e experiências da vida.

Devemos ter uma ligação e encadeamento permanente com a nossa comunicação falada e nunca dar um ponto final, pois ponto final é a morte.

TATO

Está faltando o sentido Tato. A ele todos os outros sentidos estão ligados. O Tato, o mais delicado de todos eles, sentido de pele.

Tato - Visão próxima.
Visão Tato à distância.

Vamos apoiar a emissão do som vocal ao ouvido, unindo a imagem visual-tátil de cada fonema na cavidade da boca.

Não é imposição. É sentir.

Deixamos os sentido profundos para o fim.

FALAMOS COM O CORPO INTEIRO. Vamos desenvolver o sentido CINESTÉSICO pela sensibilidade dos nossos movimentos, destacando braços e mãos para o envolvimento da comunicação através do abraço sonoro. Veja a analogia: nossos braços e mãos ao longo do corpo estão de perfil, como as nossas orelhas.

O sentido ESTÁTICO de equilíbrio representa a segurança dos nossos pés no chão.

Observem tudo e todos globalmente, acrescentando num trabalho de Terapia Vocal os sentidos orgânicos: NUTRIÇÃO, ÁGUA E SEXO.

NUTRIÇÃO pelos estímulos nas entradas de todos os canais sensoriais (sete orifícios do nosso rosto) que devem estar ou ser desobstruídos para uma realimentação permanente.

ÁGUA realimentação pela saliva como ato reflexo de deglutir os sabores, sabores estes interligados às emoções de doçura, salgado, acidez e amarguras da vida.

Tudo isso é feito pelos estímulos ambientais, informações e entradas sensoriais no ato da inspiração. Os nossos desabafos sonoros acontecem quando expiramos, através das vogais, pois vogal é o som puro, sem obstáculos. Vogal é a identidade, o selo, a marca de uma pessoa; é o fluxo e refluxo de uma vida.
Nos hiatos temos o relacionamento, nos ditongos os apelos

SEXO

Deixei por último o sentido do SEXO como ato de amor; de prazer; de estar informando a minha verdade, o que eu acredito e posso dizer:

QUE ENQUANTO HOUVER AR, HAVERÁ VIDA E JAMAIS A FALA MORRERÁ, POIS AS PALAVRAS O VENTO LEVA.

Maria da Glória Beuttenmüller
MÉTODO ESPAÇO-DIRECIONAL-BEUTTENMÜLLER

Obrigada Glorinha e um beijo carinhoso. Este é um artigo único, que tenho certeza fará com que as pessoas pensem na dádiva de energia, emoção e beleza que a Voz transmite. Marília Costa

 

 

   
   

 

 

 

 

 

 

 

 

 

© Todos os direitos reservados - Ano 2002