Conselhos para se tornar um bom jornalista
eeeeeeeDa imprensa
ffffnnnnnnfffffmmDo rádio
cccccccccccccccbbbbbbccccDa televisão

Que o meu pensamento e espírito possam inspirar-me sempre
No que Devo Dizer e como Dizê-lo, no que Devo escrever,
No que devo fazer e como agir perante a minha
Informação junto ao público, que merece sempre
Ter o meu respeito e responsabilidade.

Só assim serei um bom comunicador.

São Tomás de Aquino
Adaptação de Glorinha Beuttenmüller


Voz e Imagem no Telejornalismo
Marilia Costa

Imagem
Televisão é imagem. É com ela que os apresentadores, repórteres e entrevistados tem que se preocupar em primeiro lugar.
Cuidado com a sua imagem corporal, ela fala primeiro.Seu rosto, mãos, pernas, ombros, sua boa postura são fundamentais.
Muitas vezes vemos apresentadores de Telejornal com o semblante sério falando notícias leves, como música, esporte, ou cultura.E ao contrário alguns com um sorriso nos lábios dizendo notas sérias.
A mudança é muito rápida de uma notícia para outra, tem que se estar atento.Há também aqueles que levam o seu mau humor para a tela, não conseguindo disfarça-lo em situações mais leves, fazendo com que o espectador note logo o sorriso forçado.
Em todas as situações citadas a voz é a resposta idêntica.

Gestos
Há que se ter cuidado com os gestos exagerados, pois não podem cobrir seu rosto.Em cada posição que o apresentador estiver, sentado, em pé, parado ou andando sua maneira de gesticular será diferente.

Emoção
O apresentador não é um ator.Ele tem que passar a emoção da notícia sutilmente, com a imagem de seu rosto e a voz correspondente.Ele não pode se envolver a tal ponto que,ao ser mudado o assunto, ele continue a sofrer com a notícia anterior ou continuar sorrindo.

Voz oz
Como disse anteriormente, a voz é a resposta de sua imagem, postura, humor, e emoção. A leitura do Teleprompter só será natural, se você estiver com tudo em harmonia.
Segundo Glorinha Beuttenmüller, pioneira com seu Método Espaço Direcional Beuttenmüller,da Voz no telejornalismo:
“Na TV, a fala vem acompanhada de imagens e, por isso, a voz não precisa ser tão impostada.”

Respiração
É importante que você aprenda a respirar corretamente, a respiração bucal exagerada na televisão é vista e ouvida.Você tem que treinar exercícios de fôlego, pois há notícias longas que exigem uma pontuação oral interpretativa diferente da pontuação gramatical muito pausada.

Articulação
Como todo profissional que usa a voz e a fala como instrumento de trabalho, a articulação correta de todos os fonemas, a abertura da boca na forma certa das vogais, sem exagero, é fundamental para uma apresentador ou repórter.Articulações erradas como por exemplo de um /s/ ou /z/ com projeção de língua entre dentes, que no rádio as vezes não é percebida,na TV é inadmissível.
Tem que se ter cuidado também com a mordida cruzada, oclusão das arcadas erradamente, entortando a mandíbula para o lado em alguns fonemas.

Ritmo
O rítmo é um dos pontos mais importantes nos noticiários pois se modifica de acordo com a notícia, o esporte a ser narrado ou mesmo o tipo do programa a ser apresentado, ex.programas culturais de história ou de esportes radicais para jovens.
Imagem da palavra
Um dos pontos em que o Método de Glorinha revolucionou as narrativas foi a imagem da palavra.Se no rádio ela é importantíssima, na TV quando se narra por ex. um OFF (narrativas onde não aparece o apresentador, só as imagens de um filme ou jogo), a palavra tem que acompanhar a imagem mostrada, tem que ter vida, colorido, senão a fala fica robotizada.

Entrevista
Nas entrevistas, tanto o entrevistador como o entrevistado devem se entreolhar quando estão conversando.Caso seja uma mesa redonda, todos os convidados e entrevistador, devem olhar para quem estiver falando.

Boa sorte a todos e sucesso.
Marília Costa


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Entrevistas - Clique Aqui

CRISTINA BERNDT – Jornalista e Apresentadora do excelente Programa de TV - RJ RECORD - De Segunda à Sábado - 20:30h

 

 

         

 

 

 

 

 

 

 

 

 

© Todos os direitos reservados - Ano 2002